Fim de ano e início das férias é sempre sinônimo de calor em Brasília. Já antecipando a temporada, o New Mercadito acaba de lançar um carta dedicada ao verão com cinco receitas assinadas pelo talentoso mixologista Vitor Moretti.

Santa Mônica

Com uma pegada refrescante e leve, quase pedindo uma piscina, as criações começam com o Tropea (R$ 30) feito com Vodka Absolut, aperitivo de artesanal de pera, mel de cranberry, compota de cereja americana e extrato cítrico. Para os amantes de gin, o Santa Monica (R$ 30) é a pedida com Gin Beefeater London Dry, licor de flor de sabugueiro, água tônica com infusão de flor clitoria e perfume de grapefruit. Já os paladares mais adocicados têm o The Malibu Cocktail (R$ 29) como opção, feito com Havana Club 3 años, rum tropical Malibu, suco tropical, óleo de frutas tropicais e mix de cítricos desidratados.

The Malibu Cocktail

Focado em grupos e confras, a Jarra Californiana (R$ 85) serve quatro pessoas trazendo Gin Beefeater London Dry, aperitivo de laranja, licor de tangerina, vinho branco, óleo tropical de frutas, refrigerante cítrico e frutas desidratadas. “Excelente pedida com texturas de sabores fáceis de associar. Garanto que é uma ótima pedida para o segundo encontro”, brinca Moretti.

Jarra Californiana

Até que não bebe álcool entrou na festa com a Pink Lemonade (R$ 16) feita com suco de Cranberry, amora, limão e mel de agave com estévia. “Vamos lançar apenas cinco drinks neste momento, e no próximo ano, a carta entra completa. A ideia é ver a receptividade do público”, valida Henrique Migras, que comanda o gastrobar ao lado dos sócios Hugo Andrade, Roberto Borges, Paulo Paim, Pedro Caetano e Vinícius Freire.

Tropea

SERVIÇO
Summer Drinks by Vitor Moretti
Onde: Mercadito, 201 Sul Bloco A
Contato para reservas: (61) 3322-8560 | 98487-0607

Comentários

Max Cajé
Cria do Cerrado, Max Cajé negou as raízes ao detestar pequi, descobriu que o amor à culinária nordestina era hereditário e que paladar é algo que se conquista, com muito treino e, às vezes, dinheiro para pagar a conta. Sempre teve uma relação de amor com a comida e nunca deixou de agradecer o advento do metabolismo rápido nesse processo. Começou a estrada de jornalista escrevendo sobre moda, caiu na Gastronomia por acidente e se especializou por amor. Aprendeu que até chegar à mesa, o alimento cria carreiras, muda vidas, aguça os sentidos e cria histórias, boas e ruins, as quais pretende contar aqui.