Conhecido pelo charmoso deck virado para área verde da 103 Norte, o Quanto Café está comemorando seu primeiro ano com novidades para diferentes momentos do dia, expandindo as opções que figurarão ao lado da boa carta de cafés selecionados.

Os chefs Marcelo Riella e Meiri Lima

A casa comanda pela dupla de primos Lina e Gustavo Pimentel estreia pelas manhãs, durante a semana, o “Café da Labuta”, com pão integral, pastas veganas, iogurte à base de leite de coco. Tudo feito na casa. Já o “Brunch de Sábado” traz a tradicional linguiça artesanal na chapa e ovos mexidos e salada especial à base de abacate. Eles são assinados pela chef Meiri Lima, healthy food chef e membro do Movimento Slow Food Brasil.

À noite, o personal chef Marcelo Riella, formado pela Le Cordon Bleu, assume uma temporada na cozinha com sugestões de pratinhos especiais, que mudarão toda semana, seguindo a proposta de fluidez e renovação que o espaço já entrega.

Do dia 24 ao dia 28 de junho, os clientes podem desfrutar de uma criação diferente para cada dia da semana. Confira abaixo:

Segunda
– Capeletti ao molho de tomate rústico
– Torta Trufada

Terça
– Medalhão de filé ao molho roti
– Risoto de limão siciliano
– Torta 3 Mousses

Quarta
– French toast de abacaxi
– Torta de limão

Quinta
– Trio de Mini Hambúrgueres
Pão australiano, hambúrguer bovino artesanal, cebola caramelizada e queijo cheddar (molho barbecue)
Pão de batata, hambúrguer artesanal bovino, queijo parmesão e alface americana (molho mostarda temporada)
Pão francês, hambúrguer bovino artesanal, maionese da casa, alface e tomate
– Torta

Sexta
– Fatia de pão italiano com ricota de limão caseira, pepino fatiado, amêndoas tostadas e molho de mostarda e mel

“Todos os pratos são feitos aqui, com insumos de qualidade e resgate do processo artesanal. No Quanto não tem micro-ondas, nem condimentos artificiais. Os canudos são comestíveis, nada de descartáveis nem mesmo para levar café”, afirma Lina sobre a proposta da casa com a qual ela se mantém fiel. O local também é pet frendly e tem rampa de acesso para cadeirantes.

Onde Comer Rezando:
Quanto Café
SCLN 103, bloco A – Brasília/DF
Funcionamento: De segunda a sábado das 09 às 22h
Tel: (61) 99987-3188

Comentários

Max Cajé
Cria do Cerrado, Max Cajé negou as raízes ao detestar pequi, descobriu que o amor à culinária nordestina era hereditário e que paladar é algo que se conquista, com muito treino e, às vezes, dinheiro para pagar a conta. Sempre teve uma relação de amor com a comida e nunca deixou de agradecer o advento do metabolismo rápido nesse processo. Começou a estrada de jornalista escrevendo sobre moda, caiu na Gastronomia por acidente e se especializou por amor. Aprendeu que até chegar à mesa, o alimento cria carreiras, muda vidas, aguça os sentidos e cria histórias, boas e ruins, as quais pretende contar aqui.