Quem nunca teve vontade de jantar no castelo da Fera ao assistir aquelas cenas de “A Bela e a Fera” cheias de louças e talheres dançando pelo salão de baile ao som de Be Our Guest? Eu mal podia me conter vendo todos aqueles pratos e bolos quando assisti ao filme pela primeira vez (no cinema) aos 12 anos!
Pois eu pude realizar o meu sonho: Fui jantar no castelo da Fera!
O restaurante Be Our Guest acaba de ser inaugurado na Fantasyland, a maior expansão que a Disney já realizou, dentro do parque Magic Kingdom (o do castelo da Cinderela, que já falei AQUI) e eu mal pude acreditar quando consegui fazer a reserva para o jantar!… 
Para o almoço não precisa reserva e o serviço é rápido, onde o comensal escolhe seu prato num totem digital e os preços são mais amigos.
No jantar o serviço é a la carte e com cardápio mais elaborado. Necessita de reserva prévia (veja como fazer reservas nos restaurantes da Disney  AQUI).
O cenário é de sonho!… Para chegar ao castelo você atravessa uma ponte de pedra e chega aos portões onde um atendente com casaca de veludo lhe conduz até a mesa segurando um castiçal.
O restaurante é dividido em três partes: 
  • West Wing – A proibida “Ala Oeste”, onde fica a rosa na redoma (ela vai soltando as pétalas de verdade!) e os quadros arranhados pela fera. O ambiente é mais escuro para completar o clima.
  • Rose Gallery – Onde há uma caixa de música enorme (2m de altura) com a Bela e a Fera dançando. É toda decorada com tapeçarias.
  • Ballroom – É o salão de baile onde eu queria jantar! O teto pintado com querubins, gigantescos lustres de cristal e janelas por onde se vê a “neve” caindo. Era lá que estava minha mesa!

Os móveis são suntuosos e os guardanapos vermelhos são dobrados em forma de rosas – Uma lindeza!
Infelizmente não consegui fotografar os pratos (todo o post está ilustrado com fotos oficiais da Disney) por motivos técnicos meus… Mas não vou deixar de contar sobre minhas escolhas.
De entrada escolhi a French Onion Soup (US$ 7,49) que é a tradicional sopa de cebola francesa servida com queijo Gruyere derretido por cima e pães quentinhos para acompanhar- Uma delícia!!
Como prato principal escolhi Sautéed Shrimp and Scallops (US$ 25,99) que é um camarão sauteado com vegetais e cogumelos, servido numa massa folhada e acompanhado e vieiras grelhadas. Gente, que perfeição!… De COMER REZANDO!!!
Meu filho escolheu o Braised Pork (US$ 22,99), nada menos que um porco cozido lentamente (em 8 horas) com cogumelos, mini cebolas, cenouras e bacon, acompanhado de purê de couve-flor. O porco simplesmente desmanchava… E era saborosíssimo!

O pequeno pediu Beast Casserole (US$ 8,99) que é o tradicional Macaroni & Cheese gratinado servido com vegetais (nesse caso foram brócolis). Esse prato foi o mais comum, por isso eu recomendo que peça o Mickey Meatloaf, que é um bolo de carne de peru em forma do Mickey e com vegetais “escondidos” de forma que as crianças não percebam – Por que eu não li sobre isso antes?
De sobremesa provei o The “Gray Stuff” (US$ 4,19) , que é uma massa de biscoito de chocolate com cobertura generosa de cookies’n cream – Delicioso!
O serviço foi impecável do início ao fim, o que tornou minha experiência ainda mais encantadora.
Ah, independente de onde fique a sua mesa, você pode andar pelo restaurante para conhecer tudo.
Eu adorei o meu jantar e adorei mais ainda poder compartilha-lo com vocês.
Me despeço com a cena do jantar que tanto me inspirou… Be our guest!

Comentários