Antes apresentada como Boutique de Carnes, a Brace Parrilla Contemporânea agora passa a apostar completamente em serviço de restaurante com um ambiente todo reformulado, mais aconchegante e um cardápio encorpado, assinado por Eduardo Cavalheiro, mais conhecido como Dudu Paxtel.

Referência no ramo do qual tirou seu nome, Dudu é velho conhecido pela Pastelaria do Beto, mas é na Brace que ele, agora, expande seu talento com criações que fogem do comum, como os acompanhamentos Mac n’ cheese; Quinoto (risoto com quinoa) de limão siciliano e beterraba com creme azedo. Nem a salada ficou dentro do esperado. Aqui a Caesar Salad (R$ 29) chega à mesa dentro de um vidro com fumaça, onde ganha um sabor defumado.

Sem negar suas raízes, ele apresenta como entrada canudos feitos com massa de pastel recheados com costela desfiada (R$ 34). Outro destaque para começar a refeição é a barriga de porco marinada por 10 horas, assada em baixa temperatura, finalizada no óleo quente para a pururuca e servido com barbecue de goiabada (R$ 32).

Ponto positivo da repaginação também é custo-benefício em relação às outras casas de carnes da cidade. Durante a semana rola o executivo com salada, uma carne (costelinha suína, o chorizo, o assado de tira, o bife a cavalo e a carne de sol com queijo coalho) e um acompanhamento por valores entre R$ 39 e R$ 49.

Dentre os carro-chefes das carnes estão a costela cozida por 48 horas a sous vide e finalizada na parrilla, que serve duas pessoas (R$ 129) e Tomahawk (R$ 189), o corte dos Flinstones. “É a deriva do corte do contrafilé da parte da bisteca igual o Prime Rib e possui um osso de 30 centímetros. É um corte muito suculento, de extrema maciez e a presença do osso ‘empresta’ à carne um sabor autêntico”, afirma o chef.

E se as entradas e acompanhamentos são diferenciados, Dudu não deixaria de dar atenção para as sobremesas. O chef apostou em um mil folhas de doce de leite argentino com banana (R$ 28) – para fugir da panqueca, como ele mesmo disse – a torta de limão (R$ 21) e a cheesecake com calda de frutas vermelhas (R$ 28).

SERVIÇO
Brace Parrilla Contemporânea
CLS 404, Bloco A, Loja 33
(61) 3226-2416
Segunda 12h às 15h;
Terça a quinta 12h às 15h / 18h30 às 23h;
Sexta e Sábado 12h às 23h e Domingo de 12h às 16h.

Comentários

Max Cajé
Cria do Cerrado, Max Cajé negou as raízes ao detestar pequi, descobriu que o amor à culinária nordestina era hereditário e que paladar é algo que se conquista, com muito treino e, às vezes, dinheiro para pagar a conta. Sempre teve uma relação de amor com a comida e nunca deixou de agradecer o advento do metabolismo rápido nesse processo. Começou a estrada de jornalista escrevendo sobre moda, caiu na Gastronomia por acidente e se especializou por amor. Aprendeu que até chegar à mesa, o alimento cria carreiras, muda vidas, aguça os sentidos e cria histórias, boas e ruins, as quais pretende contar aqui.