O Restaurante Universal lançou seu Prato da Boa Lembrança 2018. Batizado de Mignon ao Melaço, o preparo valoriza a gastronomia brasileira – uma das bandeiras de Mara Alcamim. É o Filé-mignon ao molho de melaço de cana e rapa de risoto de queijo coalho, que traz duas importantes memórias afetivas da chef: de um sabor muito apreciado na infância e de um importante prato do badalado Zuu a.Z d.Z, desde o início do funcionamento da casa, sob seu comando entre 2004 e 2011.

“Na época da inauguração do Zuu, eu fui a Olinda e visitei o chef César Santos, do Oficina do Sabor. Lá tem uma entrada com queijo coalho, alho e melaço que remeteu a minha infância, pois na casa da minha mãe eu comia muito queijo na frigideira com melaço. Fiz um filé ao melaço com risoto para o Zuu e ele foi o prato que mais vendeu. Agora, faço uma homenagem ao Zuu, com um prato que tem gostinho de infância e é a cara do Brasil”, conta Mara Alcamim.

Durante seus sete anos de existência, o Zuu deixou sua marca em Brasília e conquistou o merecido reconhecimento. Em 2009, foi eleito o melhor restaurante contemporâneo de Brasília pela revista Veja Comer & Beber, repetindo os feitos de 2007 e 2006. Ainda em 2007 foi considerado o melhor do Brasil pelo crítico gastronômico Josimar Melo. A casa entrou para o Guia 4 Rodas em 2006, onde manteve uma estrela na classificação até o encerramento das atividades.

Eu não conheci o Zuu porque ainda não morava em Brasília na época do seu funcionamento, mas posso garantir que o prato que provei no Universal é um dos melhores que comi na vida… De COMER REZANDO meeeesmo!

O Mignon ao Melaço sai a R$ 99,00 (porção individual). Como parte da tradição da Boa Lembrança, ao saborear a elaboração, o cliente ganha uma cerâmica exclusiva pintada à mão, com desenho original inspirado na receita e muito requisitada por colecionadores. A louça do Universal é uma criação de Henrique e Olga Van Erven, artesãos de Petrópolis (RJ) e proprietários da empresa Van Erven, que criou uma técnica inovadora que dispensa o uso de arame para pendurar a louça.

O Restaurante Universal é uma das cinco casas no Distrito Federal que fazem parte da Associação dos Restaurantes da Boa Lembrança. Voltou a ser integrante da ARBL em 2015, mas, antes disso, participou do festival por três anos consecutivos – de 2007 a 2009. Em 2017, o prato foi o Scaloppine e Penne, que sustenta o título de mais vendido da casa desde sua abertura há pouco mais de 20 anos. Somente no último ano, foram vendidas 2.190 porções.

Associação dos Restaurantes da Boa Lembrança

A Associação dos Restaurantes da Boa Lembrança, como o próprio nome indica, reúne os melhores restaurantes e chefs do Brasil – aqueles que deixam, realmente, uma boa recordação e, é claro, desejo de voltar. Atualmente, ela conta com 92 integrantes. Dentre eles, cinco estão localizados em Brasília, como o Restaurante Universal e o Oliver.

Para ser um associado, o restaurante precisa atender a alguns critérios. Entre eles, oferecer uma comida de reconhecida qualidade, um ambiente diferenciado, ter estabilidade e funcionar há, no mínimo, três anos com os mesmos sócios. Além disso, o chef precisa estar sempre presente no estabelecimento e participar dos congressos anuais da Associação.

Os chefs participantes também devem criar, a cada ano, pratos exclusivos para a Associação. Ao saborear a elaboração, o cliente ganha um Prato da Boa Lembrança, fabricado em louça especial, com desenho original e muito requisitado por colecionadores.

Restaurante Universal
CLS 210, Bloco C, Loja 18, Asa Sul, Brasília-DF; (61) 3443-2089.
De segunda a quinta-feira, das 12h às 15h e das 19h à 0h. Sextas e Sábado, das 12h às 16h e das 19h à 1h.

Fotos: Divulgação

Comentários